sábado, 20 de fevereiro de 2010

INERENTE A IMITAÇÃO NO SER HUMANO.


Da mímesis antiga à imitação dos antigos.
A questão da mímesis sempre fez parte do repertório fi losófi
co grego, desde os pensadores pré-socráticos, passando por
Platão e Aristóteles, até os filósofos do período helenista. Como
é largamente sabido, o substantivo mímesis, o verbo miméomai
(do qual aquele deriva) e todas as outras palavras da mesma
família começam a aparecer no vocabulário grego durante o
século V a. C.
(Luisa Severo Buarque de Holanda)

Semana passada, na minha aula de Sociologia (que amo), aprendi sobre imitação porque sempre quero aprender mais e mais.
E, o meu professor é daqueles que se pudesse fazer "transfusão de cérebro" eu fazia...rs...ele é 10. Então, procuro tirar o máximo que posso de seu grande conhecimento.
Tem professores que honram a classe e claro que tem outros, que dá até desanimo de assistir aula mas vou falar do que é bom.

Amo as disciplinas de Sociologia, Psicologia, Filosofia, História...fico apaixonada e vou aplicando e refletindo sobre minha vida, então não fica sendo algo decorativo e sim aplicativo...maravilhoso.

Então o professor explicou sobre a história de Tróia, que a maioria conhece pelos filmes e Ulisses e Aquiles além da famosa Helena.

Que era ensinado desde essa época os exemplos a serem seguidos e os que não deveriam ser seguidos e suas consequências.

Claro que trouxe esse ensinamento, super rico e que resumi, aos dias atuais.

Quais os modelos a serem seguidos pelos nossos filhos:

Ser traficante ganha mais que um médico que estuda a vida toda?

Mostrar uma "bunda" grande rebolando, na tv ganha mais e tem mais valor do que quem estuda pra qualquer profissão?

Que um jogador de futebol fica milionário, sem mal saber escrever ou falar o próprio idioma enquanto o que se esforçou e estudou a vida toda, raramente, ficará?

QUAIS SÃO AS REFERÊNCIAS BOAS PARA MOSTRAR AOS NOSSOS FILHOS, HOJE?

Claro, que muitos de nós que tivemos o privilégio de ter estudado em bons colégios e ter tido o hábito de ler e procurar o conhecimento, temos condições de orientar nossos filhos a valorizar o que realmente tem valor: integridade, bom caratísmo, procurar estudar, ler, refletir, adquirir conhecimento sobre tudo, humildade, solidariedade (sem esperar troca), etc.

Todos os meios de comunicação (pode até haver exceções) mostram valores deturpados e a cabeça deles fica confusa, por isso não veem tanta inspiração pra estudar e perguntam pra quê?

Falei pra meu filho, para mostrar o outro lado: -sabe esses caras do programa Pânico que você gosta...eles são formados, no mínimo sabem um idioma...não caíram ali de pára-quedas porque acharam eles legais...por isso tem que estudar pois até para fazer palhaçadas além de talento, tem que ser obrigado a ter estudo.

Queria achar uma forma de ele ver além do que a tv mostra. E, que ter o corpo lindo e bumbum grande, pode dar retorno financeiro por pouco tempo pois se a pessoa não se esforçar e estudar, rapidinho, a pessoa some da mídia e ainda se for burra, vai até passar fome ou ter um subemprego porque tem a ilusão que isso é pra vida toda.

Ainda bem que minhas referências são outras e espero que do meu filho seja. Posso até achar homens e mulheres bonitos e isso também veio dos gregos que cultuavam corpos perfeitos.
Nossa cultura veio da greco-romana, não temos como fugir disso mas tudo sem exageros.

É óbvio que vamos admirar mais um artísta lindo do que um homem feio mas na hora de ver seus escritos, a diferença que ele fez na vida das pessoas, tudo muda.
E, também, tem atores, pintores, artistas em geral, feios fisicamente e extremamente, talentosos e a arte é de se apreciar e digna de aplausos. PENA, QUE NO NOSSO PAÍS TEMOS ARTISTAS MARAVILHOSOS QUE PASSAM FOME OU FICAM EM PRAÇAS PRA GANHAR ESMOLAS ENQUANTO EM OUTROS PAÍSES TERIAM SEU VERDADEIRO RECONHECIMENTO.

Mas com dinheiro (que precisamos) ou sem ele, temos que passar valores nobres pra nossos filhos pra crescerem seres humanos mais humanos e saberem refletir e valorizar a essência e não a ilusão do nada em que a maioria vivem.

Vivem na mentira e se perdem em si mesmas. Se acham superior a todos e não são nada. Não é um apto. bonito, num bairro nobre ou um carro, um diploma que faz vc superior mas saber muito e conseguir ser simples, humilde.
Sócrates em toda sua sabedoria da época disse que "só sei é que nada sei"...imaginem nós que não passamos a vida a se dedicar a só estudar tudo e todos?

Eu sou cristã-evangélica e creio plenamente da bíblia e em Jesus Cristo e crio meu filho com esses valores. Não critico e nem julgo ninguém, não generalizem, porque existem pessoas boas e más, como legalistas em todas as áreas.
Eu não tenho religião...EU TENHO JESUS CRISTO E MELHOR IMITAÇÃO QUE PODEMOS SEGUIR DO QUE ELE, ME PERDOEM, MAS NÃO EXISTE...AFINAL ELE É O PRÓPRIO DEUS.

PAREM E REFLITAM: QUEM SÃO OS PERSONAGENS PARA SUA REFERÊNCIA E DE SEUS FILHOS?

2 comentários:

  1. Τhe rеρort features establiѕhed bеnefіciаl
    to me. Ιt’ѕ rеally infoгmativе
    аnd you are оbviously extгemely knowledgeable of
    this tуpe. You poѕsess еxposed
    my sіght in оrder to numerous views
    on this speсific subϳect mattеr together with intгiquing,
    notable and sound cοntеnt.

    Mу blog post viagra online without prescription
    Also visit my site : viagra online without prescription

    ResponderExcluir

Se vc já entrou aqui e me deu seu tempo; agradeço. Se deixou uma mensagem; me deixou alegre. Deus o abençoe...bjs.